PALESTRA, FORMAÇÃO, ESPIRITUALIDADE...

Quando nos arrependemos, a vitória é certa


Nós, "ovelhas" de Jesus, vivemos nos sujando pela vida; são as situações, os ambientes que nos sujam. Nós nos emporcalhamos nas coisas da vida, mas não podemos chegar a Deus assim. Precisamos passar pela porta da Misericórdia, mas, antes de passar por ela, é preciso que sejamos lavados em Jesus.

É preciso que nos arrependamos, e arrepender-se é perceber que não se pode fazer certas coisas, porque somos de Deus. É preciso perceber que estamos andando por caminhos errados, e uma vez que reconhecemos isso, nos comprometemos em viver na vontade de Deus.

O arrependimento é necessário. Deus é misericórdia, é perdão. Estamos diante do "oceano da misericórdia" de Deus e somos livres para mergulhar nesse oceano. Peça ao Senhor a graça do arrependimento.

Infelizmente, nós temos grande dificuldade de nos arrepender, porque nos julgamos ser os certos. Além de sermos muito orgulhosos, autossuficientes, achamos que podemos fazer tudo, mas estamos pagando caro por nossas escolhas. Então, muitas vezes, entram os problemas e, quando estes chegam, recorremos a Deus. Somos impulsionados para Deus, mas precisamos dar um basta nisso, e este basta quem pode dar é você!

Por causa do pecado original, somos maus e temos toda a tentação do inimigo de Deus. Somos invejosos, ciumentos, maldosos, impuros, e muitas vezes, a nossa sexualidade é vivida de modo totalmente errado. Temos uma tendência à impureza, e 'o inimigo está como um leão que ruge à procura de quem devorar', como nos ensina a Palavra de Deus. E se dermos brecha, o inimigo entra.

Precisamos nos arrepender sempre. Assim como nosso organismo transforma o sangue venoso – com impurezas próprias do nosso organismo – em sangue arterial, assim também precisamos transformar nossas atitudes maldosas em bondade. O sangue é purificado milhares de vezes; assim, é preciso arrepender-se milhares de vezes! O inimigo vai dizer que você é 'sem-vergonha', porque peca, se arrepende e volta a pecar. Não caia nesta. Arrependa-se e mergulhe na Misericórdia Divina. A tentação não quer que nos arrependamos, mas quando estamos arrependidos nos lançamos "no mar da misericórdia" do Senhor.

“Se dizemos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. Se reconhecemos os nossos pecados, (Deus aí está) fiel e justo para nos perdoar os pecados e para nos purificar de toda iniquidade. Se pensamos não ter pecado, nós o declaramos mentiroso e a sua palavra não está em nós” (I João 1, 8-10).

Deus está em nós se reconhecemos nossos pecados, Ele está no arrependimento. O Senhor aí está fiel e justo para nos perdoar.

Devemos nos confessar sempre. Se reconhercemos o nossos pecados e nos arrependermos, Deus aí estará e nos perdoará para vivermos o 'PHN' (Por hoje não vou pecar), por isso, precisamos viver o arrependimento e a confissão. Deus nos dá grandes graças com esta atitude.
 
Monsenhor Jonas Abib
 
http://www.cancaonova.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário